Galeria de Homenagem

SEMANA CULTURAL CRSI
7 FEV’20
Sessão Solene de Abertura da Semana Cultural com a inauguração da Galeria de Retratos das Superioras da Comunidade e Diretores Pedagógicos do Colégio Rainha Santa Isabel.

Discurso proferido pela Irmã
Maria da Esperança Sousa,
Superiora da Comunidade Religiosa do
Colégio da Rainha Santa Isabel – Coimbra

Eis aqui retratados alguns dos pilares que foram e são os suporte do SER desta casa.
Aqui estão representados os das últimas décadas. Mas, como em tudo, há sempre um antes e um depois.
Esta obra, o Colégio da Rainha Santa Isabel tal como o vemos hoje, foi gerada com muita oração, sacrifício e entrega para se erguer nesta majestosa colina.
O impossível tornou-se possível e o nosso sonho tornou-se realidade.
Depois da aquisição do terreno foram pedidas orações a todas as Irmãs do mundo inteiro.
A Madre Maria de Jesus Vila Real foi aluna desta obra grandiosa e apesar de grandes dificuldades de toda a ordem, sobretudo financeiros, não se deteve, nem esmoreceu. Esta boa madre deu a esta casa o melhor das suas energias e entusiasmo.
Outras a seguiram, audazes e persistentes como verdadeiras Filhas de Ana Maria Javouhey.
Foram e são pilares também deste edifício e hoje quero delas fazer memória.

  • Irmã Teresa de Jesus Cristo
  • Irmã Isabel da Santíssima Trindade

(Estas duas foram as principais continuadoras da Madre Maria de Jesus na conclusão do edifício.)

Outras se seguiram:

  • Irmã Ludovina da Providência
  • Irmã Ana Frazão
  • Irmã Maria João de Brito
  • Irmã Isabel de S. Patrício
  • Irmã Margarida Monteiro
  • Irmã Maria José Medeiros – aqui representada
  • Irmã Clara Gomes – aqui representada
  • Irmã Maria dos Prazeres Cardoso
  • e todas as que se seguiram e que estão aqui representadas.

TODAS, cada uma ao seu jeito, esmeraram-se por tornar mais bela a alma e a obra do Colégio da Rainha Santa Isabel.
A todas e todos a nossa homenagem. Embora não haja fotografias de todas, todos estão nos alicerces desta obra.
A nossa gratidão às de ontem, aos de hoje e aos de amanhã.
Ser do nosso tempo na alegria, na paz, no amor, leva-nos a impulsionar esta obra para um futuro.
Um obrigado muito especial aos atuais colaboradores, os que dia a dia, dando as mãos, fazem avançar este grande barco da Educação, sempre voltados para um Farol de um mundo melhor.
E vós queridos alunos, não deixeis cair por terra esta herança. Sois vós os continuadores desta obra.
Foi por vós que ela nasceu. Tornai-vos dignos dela.
Finalmente, quero agradecer à equipa que sonhou e idealizou este trabalho hoje apresentado.

Parabéns a quem executou.

Obrigada
Coimbra, 07 de fevereiro de 2020
Irmã Maria da  Esperança de Sousa